Prevenção/Covid-19

Atualizado em: 08/05/2020 15:15:43

Prefeitura de Abreulândia e COE tomam novas medidas de proteção ao COVID-19

Compartilhe:

Dinamara Montelo

Centro da cidade de Abreulândia em dia normal.

A Prefeitura Municipal de Abreulândia e o COE (Comitê Operacional Emergencial) realizaram, nesta quinta-feira, 07, nova reunião (respeitando as regras de proteção) para estabelecer novas medidas de prevenção ao novo coronavírus no município. Na manhã de quarta-feira, 06 de maio, foi confirmado um caso de COVID-19 na cidade. Devido a isso novas medidas de proteção foram tomadas, como o uso obrigatório de máscaras faciais e fechamento dos comércios não essenciais.


Diante disso, para seguir as recomendações dos Governos Estaduais e Federais, novas medidas restritivas e ações preventivas foram aderidas para o município de Abreulândia – TO. Sendo assim, segue abaixo as medidas do novo decreto municipal.


DECRETO Nº 041/2020


Art 4º - Os atendimentos ao público nas secretarias e autarquias municipais ficam suspensos por tempo indeterminado, exceto àqueles de caráter essencial.


Art 5º - Fica suspenso a partir do dia 08 de maio de 2020 até 01 de junho de 2020, o funcionamento de bares, restaurantes, lanchonetes e estabelecimentos congêneres; igrejas, campo de futebol, quadras, praças e clubes; lojas ou estabelecimentos que pratiquem o comércio ou prestem serviços de natureza privada.

Parágrafo 2º - Restaurantes e lanchonetes poderão funcionar apenas para levar ou por meio de entrega.

Parágrafo 3º - As lojas e/ou outros estabelecimentos poderão funcionar SOMENTE por meio de entrega também.


Art 6º - Está terminantemente PROIBIDO a venda de bebidas alcoólicas em TODOS os estabelecimentos.


Art 7º - É OBRIGATÓRIO ter alguém na porta do estabelecimento com álcool em gel 70% para todos os clientes; instalação de pias e disponibilizar sabão líquido, papel toalha e lixeiras. Além disso, o fluxo dentro dos mercados e mercearias são de no máximo 2 (duas) pessoas.  

Estabelecimentos como supermercados, distribuidoras de gás, postos de combustíveis, padarias, agências bancárias e postos públicos de saúde, laboratórios e clínicas entre outros ficam em funcionamento, porém, devem seguir os critérios de proteção exigidos no decreto.


Além disso, no Art 12º ficam interrompidas também a operação do serviço de transporte rodoviário intermunicipal de passageiros.


A fiscalização será feita por parte da vigilância epidemiológica, fiscalização de posturas, fiscalização sanitária e com o apoio da Polícia Militar. Os infratores poderão responder por crime contra a ordem pública, além do pagamento de multas previstas na legislação municipal.  






Palavra do Prefeito

"Obrigado a todos pela confiança depositada na minha gestão, por me fazer sonhar e a acredita junto com cada um dos senhores, em uma Abreulândia melhor".

Confira

Fale Conosco

(63) 3389-1225

(63) 9.9299-5882

email@dominio.com

Formulário

Todos os direitos Reservados © 2017 Prefeitura Municipal de Abreulândia - TO

Desenvolvido por mundoweb - Inteligência Digital